Tags

, , , ,

“Gosto dessa definição: Abraço é o encontro de dois corações.” (Cazuza) 

Abraçar… Cingir com os braços, admitir, aceitar, entrelaçar…

O abraço pode ser dado de diversas maneiras e ter muitos significados. Ele pode ser uma forma de demonstrar a felicidade por poder contar com uma amizade, um orgulho que se sente por alguém especial, para agradecer a presença de alguém, pode ser dado em um momento de tristeza ou para fortalecer alguém que esteja passando por algum momento difícil.

Em diversas ocasiões, os abraços podem ser rápidos, demorados e tem sempre alguma razão. Eles não são apenas um contato físico, mas um sinal de afetividade e carinho que nos permite trocar energias positivas.

Excelente tônico, ele não tem contraindicação, pois diminui a depressão, revigora o sistema imunológico, traz nova vida a quem está cansado, fazendo com que a pessoa abraçada sinta – se mais jovem e vibrante prolongando e estimulando a vontade de viver.

Neste dia do abraço proponho que as pessoas se abracem mais para que os laços afetivos sejam constantemente revitalizados, pois este gesto aparentemente simples, consegue transmitir muitos sentimentos:

Pedidos de perdão já foram traduzidos em abraços;

Muitos “Eu te Amo” já foram transformados em abraços;

Despedidas emocionantes já foram seladas pelo aconchego de um abraço;

Saudades já foram convertidas em abraços

Talvez o abraço seja a forma que nós achamos de entregar o amor guardado em silêncio dentro de nós, aquele amor que não tem porque ou razão, ou seja, um jeito livre e feliz de mostrar os diversos tipos de amores.

O Abraço está presente em nossa vida porque é um ato carinhoso, e como tudo o que é bom, ele deve ser praticado sempre em nossas vidas!

Tenham todos um Feliz Dia do Abraço!