Tags

, , ,

“O amor só é lindo, quando encontramos alguém que nos transforme no melhor que podemos ser”. ( Mário Quintana)

Hoje, 14 de fevereiro, é celebrado o Dia de São Valentim, Dia dos Namorados, ou Dia do Amor, uma data especial na qual se comemora a união amorosa entre casais em que é comum a troca de cartões e presentes. No Brasil, a data é comemorada no dia 12 de junho, em Portugal também acontecia na mesma data, mas atualmente a data em Portugal passou a ser celebrada também em 14 de Fevereiro.

A história do Dia de São Valentim remonta a um obscuro dia de jejum, em homenagem a ele. O amor romântico chega depois do final da Idade Média, quando o seu conceito foi formulado, quando o bispo Valentim lutou contra as ordens do imperador Cláudio II, que havia proibido o casamento durante as guerras acreditando que os solteiros eram melhores combatentes. Além de continuar celebrando casamentos, Valentim se casou secretamente, apesar da proibição do imperador, porém a prática foi descoberta e Valentim foi preso e condenado à morte.

 Enquanto estava preso, muitos jovens lhe enviavam flores e bilhetes dizendo que ainda acreditavam no amor. Enquanto aguardava na prisão o cumprimento da sua sentença, ele se apaixonou pela filha cega de um carcereiro e, milagrosamente, devolveu-lhe a visão. Antes de sua execução, Valentim escreveu uma mensagem de adeus para ela, na qual assinava como “Seu Namorado” ou “De seu Valentim”, Valentim é considerado então um mártir pela Igreja Católica.

Outra versão diz que no século XVII, ingleses e franceses passaram a celebrar o Dia de São Valentim como a união do Dia dos Namorados. A data foi adotada um século depois nos Estados Unidos, tornando-se o The Valentine’s Day.

Na Idade Média, dizia-se que o dia 14 de fevereiro era o primeiro dia de acasalamento dos pássaros. Por isso, os namorados da Idade Média usavam esta data para deixar mensagens de amor na porta do (a) amado(a). O Dia de São Valentim era até a algumas décadas uma festa comemorada principalmente em países anglo-saxões, mas ao longo do século XX o hábito estendeu-se a muitos outros países. A felicidade é algo que predomina nesta data.

Símbolos modernos são associados ao Dia de São Valentim, como a silhueta de um coração e a figura de um Cupido com asas. Iniciada no século XIX, a prática de recados manuscritos foi trocada por cartões de felicitações produzidos em massa. Avalia-se que em todo mundo aproximadamente mais de mil cartões românticos são enviados a cada ano, tornando esse dia um dos mais lucrativos e românticos do ano.

Bom, a data você já sabe como surgiu, apesar de cada casal também ter a sua data especial específica que é o dia do início do namoro, a data do noivado e do casamento. Mas se você é solteiro e já se decepcionou com o amor, não precisa ficar com medo do cupido, o ideal é superar e partir para outra, enfim há tantas pessoas diferentes neste mundo, e você ainda tem ao longo desta vida, muitas pessoas especiais para conhecer, agora quem inventou o amor… isso, é difícil de saber…