Tags

, , , ,

O Estação Fonte de Vida destaca a vida, os vencedores, os que superaram, porém não podemos esquecer que no meio da caminhada temos pessoas que nos ajudam a vencer, a viver, e se não fosse elas talvez não tivéssemos conseguido atingir os nossos objetivos.

Estas pessoas na maioria das vezes surgem como um anjo na vida da gente, estes anjos podem vir em forma de um novo amigo, ou pode ser um amigo antigo que de repente reaparece, ou até mesmo aqueles que por estarem sempre próximos não percebemos que eles nos ajudam, é o caso de nossos pais e irmãos que tem um papel fundamental em nosso crescimento e sempre nos dá apoio.

Hoje vou falar do grupo Anjos da Alegria que sempre aparece para proteger adultos e crianças levando a alegria necessária para superar alguns momentos difíceis da vida.

Em Uberlândia O grupo Anjos da Alegria foi formado em março de 2000, quando três doutoras palhaças (Drª Ximbica- Rose Battistella, DRª Ratatá-Andréa Angotti, Drª Pinica-Nátia Majadas), começaram a trabalhar no recém inaugurado Hospital do Câncer de Uberlândia e permanecem até hoje.

Eu tive a oportunidade de conhecer o trabalho do grupo Anjos da Alegria pessoalmente, em 2009 e admirei muito. Esta ocasião foi quando para me formar em Jornalismo tive que desenvolver um projeto experimental sobre Câncer, este projeto não deu certo pra eu me formar a minha formação em Jornalismo foi definida em outro projeto experimental onde o tema foi a 3 ª Idade, mas em ambos projetos aprendi muito e tive uma experiência muito grande, e talvez isso tenha me tornado uma pessoa mais forte para enfrentar o que vier em minha vida.

O ano de 2009 em que fiquei envolvida com estes projetos marcou muito a minha vida, foi um ano cansativo, mas cada vez que eu via que o problema dos outras era bem mais sério do que o meu eu tinha mais forças para lutar e essa força também vinha quando eu via os Anjos da Alegria fazer as crianças mesmo doentes sorrir, ou seja os Anjos da Alegria não ajudava somente as pessoas e crianças que tinha Câncer, mas a mim também e acredito que quem passava por ali, mesmo não estando doente sentia algo melhor.

Desde 2007 o grupo expandiu os limites de seu trabalho, estreando o espetáculo “Os Reprisantes”, com cenas tradicionais circenses, em 2009 foi criada a ONG Anjos da Alegria que supre uma lacuna de estar ainda mais presente em eventos em locais em que são solicitados promovendo momentos cênicos de grande alegria, percorrendo os locais cantando e “consultando”, transformando cada ambiente em um novo espaço coberto de gargalhadas e sorrisos.

A equipe dos Anjos da Alegria é formada por profissionais de teatro, todos com formação em Artes Cênicas e treinamento preliminar. Atualmente o grupo realiza o seu trabalho semanalmente no Hospital do Câncer de Uberlândia e Hospital Santa Clara com o objetivo de contribuir para a restituição do conceito de belo por pessoas que estão a deriva, despertando nestas uma posição mais construtiva perante a vida, com desejos de transformação pessoal e social.

Algumas pessoas da época em que eu fiz o projeto experimental que se tratavam no Hospital do Câncer já terminaram o tratamento e estão curadas, outras ainda permaneciam, muitos dos que tive mais contato não tenho notícias, mas espero que eles tenham superado esta etapa da vida.

Fica a mensagem se você é vencedor lembre-se sempre das pessoas que colaboraram para a sua vitória, afinal não construímos nada sozinhos e você também pode ser um anjo na vida de alguém.

Mas como? Você pode contribuir da maneira que você puder, dando atenção, ensinando algo, uma palavra amiga, um gesto de carinho, um conselho, uma orientação, ajudar em uma decisão, com um sorriso, são tantas formas e tão simples. Pensem nisso.

Contato: Rose Battistella

(34) 3219-9699 / (34) 9992-1893
E-mail: contato@anjosdaalegria.com.br
http://www.anjosdaalegria.com.br/

Anúncios